Preview – Star Wars: Uprising

preview

Com o lançamento de O Despertar da Força em dezembro deste ano, muitos fãs estão se perguntando sobre o que aconteceu nesses anos que se passaram entre os episódios VI e VII. As perguntas começam a ser respondidas a partir deste mês de setembro com o lançamento de livros, quadrinhos e do jogo para dispositivos móveis, Star Wars: Uprising, que iremos ver neste post. Desenvolvido pela Kabam, o lançamento ocorrerá para iOS e Android.

O jogo se passa logo após os eventos de O Retorno de Jedi e a batalha de Endor, onde o imperador, Darth Sidious, e Darth Vader morrem. O Império Galático, temendo que a notícia de sua derrota se espalhasse, faz um cerco ao setor Anoat. Logo, um grupo de guerreiros rebeldes se juntam e criam uma rebelião contra o Império neste setor. E é nesta confusão que o jogador é inserido, como um contrabandista que precisa fazer algumas missões de resgate e formando seu próprio grupo para ajudar na luta contra o Império.

No primeiro trailer, lançado no anúncio do jogo em junho de 2015, temos uma ideia do tom que jogo será abordado. O discurso diz: “Hoje, o Império é vitorioso. A Rebelião não é mais uma ameaça. O ataque rebelde desesperado à Estrela da Morte do Imperador falhou. Rumores da morte do Imperador? Invenções traiçoeiras. Para aqueles que escutam tais mentiras, que desejam testar a força do Império, irão responder a mim.” Assista abaixo:

Como já mencionado, o jogo se passará no setor Anoat, nos territórios do anel exterior da galáxia. Esse setor é conhecido por abrigar algumas localidades conhecidas dos fãs. Os jogadores poderão se aventurar em Hoth, nas ruínas da Base Echo e nas imensas esculturas de metal que outrora foram AT-ATs; Bespin, o planeta gasoso que abriga a Cidade das Nuvens – uma colônia mineradora que já fora chefiada por Lando Calrissian; e Burnin Konn, Uma colônia de mineração de crômio e outros minérios raros num local inóspito e desértico.

Conheça abaixo alguns dos personagens importantes na trama:

Riley
Ladra durante o reinado do Império Galáctico, Riley e seu irmão mais novo ficaram órfãos na colônia de mineração de Burnin Konn. Os dois ficaram famosos por sua habilidade como ladrões até Riley se ferir em uma queda. Após o incidente ela ganhou uma prótese cibernética na perna para compensar o prejuízo. Ela tornou-se na maior parte do tempo uma planejadora após o incidente.


Deathstick
Assassina durante o reinado do Império Galáctico. Ela originalmente começou como uma criminosa de rua, mas uma vez que ela se tornou conhecida por suas habilidades como uma assassina pessoas mais tarde procuraram-na por serviços.



Adelhard
Humano que serviu o Império Galáctico como o regulador do setor Anoat durante a Guerra Civil Galáctica. Ao saber da morte prematura do Imperador Palpatine na Batalha de Endor, o governador Adelhard bloqueou seu sector, e estabeleceu o bloqueio de ferro. Com a ajuda do comandante Bragh e seus PurgeTroopers, Adelhard começou a matar aqueles que se opunham ou se atreviam propagar os chamados “rumores anti-imperiais”.


Bragh
Comandante dos PurgeTroopers, Bragh é conhecido como destemido e como alguém que induz em trazer a dor de outras pessoas.

.

A jogabilidade será do gênero RPG de ação, estilo famoso e consagrado por jogos como Diablo. Por ter este estilo, existirá a criação de personagem que até onde foi mostrado, deixará o jogador com uma boa liberdade de customização de seu avatar. Um fato curioso é que no site oficial existem semanalmente enquetes para que os jogadores possam escolher antes do lançamento itens, dróids e raças que poderão ser utilizados no jogo.

E vocês, estão ansiosos para este lançamento? Apesar de ser considerado cânone, não deve trazer muitas revelações, mas é possível que tenhamos uma ideia de que rumo a galáxia tomou após a destruição da segunda Estrela da Morte e o que iremos encontrar em dezembro, nos cinemas.