J.J. Abrams comenta sobre seu deslize em “O Despertar da Força”

J.J. Abrams comenta sobre seu deslize em “O Despertar da Força”

Mesmo recebendo milhões de elogios após seu lançamento, o episódio VII de Star Wars não escapou de algumas críticas por parte de uma controvérsia no roteiro. Uma cena deixou os fãs coçando a cabeça até agora. A cena em questão mostra Leia confortando Rey após a morte de Han Solo, abraçando-a, enquanto Chewbacca passa por elas, despercebidamente, ao encontro de Finn. Na mente de muitos, quem deveria ser consolado, de fato, é o Chewbacca, fiel companheiro de Solo.

Por que Leia e Chewie não se abraçaram após a perda de alguém tão próximo deles? já que Han era elo entre os dois…

media_costume_03

J.J. Abrams, diretor e roteirista do filme, veio a público e manifestou seus pensamentos sobre o assunto:

“Realmente cometi um erro, eu assumo. No momento, meu pensamento era que Chewbacca, apesar de estar sofrendo, tinha como foco tentar salvar a vida de Finn, sendo assim, foquei a cena no encontro entre Rey e Leia, confortando uma a outra. Ambas são fortes com a Força, elas não se conheciam, mas sabiam da história uma da outra, ambas perderam algo importante [com a morte de Han]. Se Chewie não estivesse presente na cena, você não notaria isso, foi um deslize, mas não foi essa a intenção.”

É bom saber que Abrams esteve disposto a admitir seu erro, mas é algo compreensível e intrínseco para os fãs, no fundo, sabemos que não seria necessário mostrar um abraço entre Chewie e Leia para sabermos o quanto eles estavam tristes. É claro que jamais haverá uma dupla tão icônica quanto Han Solo e Chewbacca em Star Wars… Mas, e agora, quais serão os planos para Chewbacca? Será que dessa amizade com Finn pode surgir uma nova parceria?