“O Despertar da Força” já está sendo negociado para ser transmitido pela Netflix

“O Despertar da Força” já está sendo negociado para ser transmitido pela Netflix

O mais recente Star Wars ainda não saiu nos cinemas, mas o debate em torno de quem vai ficar com os direitos de transmissão da obra já rola a solta dentro da Disney. Enquanto teoricamente os direitos devessem ir para Netflix, a Disney ainda têm um assunto a ser resolvido primeiro com a Starz (outro canal) a respeito dos direitos.

O site “Screencrush” explica:

Voltando em 2012, Disney e Netflix fecharam um acordo que permitiria que todos os filmes da Disney – incluindo as franquias da Marvel , animações da Pixar e e os filmes da saga Star Wars – fossem transmitidos exclusivamente pela Netflix a partir de 1º de janeiro de 2016.

Com a data se aproximando da estreia, houve rumores que a Netflix já estaria preparando um database com os filmes de SW, mas a mesma vem negando esse boato por alguma razão. E isso com certeza se refere aos direitos da obra. Embora não seja mistério que a mesma queira e deva ter esse direito por causa do acordo firmado.

Pelo fato de “O Despertar da Força” estrear ainda em 2015, o filme seria o ultimo título da empresa que ainda estaria incluído no acordo entre a Disney e o canal a cabo norte americano Starz. O acordo expira no final do ano. Mas no momento é ela que tem os direitos de exclusividade de transmissão da obra mais recente.

Ao ser perguntado sobre esse imbróglio, o CEO da Netflix, Reed Hastings comentou: “Isso cabe a Disney, é um assunto que esta sendo resolvido.”

Algo relevante a isso é que todos os filmes de Star Wars que a Disney tem os direitos com exceção de Uma Nova Esperança”, que ainda é de propriedade da Twentieth Century Fox – estarão em breve no serviço de streaming em nações latino-americanas. A inclusão de “Uma Nova Esperança” no serviço é dependente de qualquer forma da Disney fazer um acordo com a Fox, lembrando que o filme foi distribuído digitalmente no inicio desse ano ao lado dos demais filmes da saga.

Fonte: Screencrush via StarWarsNewsNet